Sexta-feira, 25 de Fevereiro de 2011

Olá

O Grupo 1 vem colocar à discussão 1 questão, sobre a qual temos vindo a trabalhar, e que é importante para o andamento dos trabalhos: Como serão compostos os grupos de alunos a frequentar a UC.

Já sabemos que serão alunos de mestrado e professores em serviço. Contudo, por questões logísticas, o número não deverá exceder os 20/30 por grupo. Na UA temos vários cursos de mestrado para formação de professores e temos também o público externo (professores em serviço). Assim, perspectiva-se que sejam mais de 100 os alunos para a UC. Colocamos 2 opções e gostaríamos de ter o feed-back de todos. As opções são apenas para lançar a discussão.

a) grupos aleatórios (i.e. que incluam alunos de mestrado, independentemente da área científica, e professores). Esta opção é mais rica em termos de interacções, mas mais complexa do ponto de vista da operacionalização (desde os horários, a conteúdos mais específicos que venham a ser abordados)

b) grupos por área científica (i.e. que incluam alunos de mestrado e professores da mesma área científica). Esta opção tem a vantagem de mais facilmente direccionar e envolver as pessoas de cada grupo nos projectos a desenvolver.

Se tomarmos como exemplo este PD em que estamos, a área científica não se apresenta relevante para o desenvolvimento das competências em causa, já que mesmo sendo de áreas muito distintas, não as trabalhamos especificamente em cada UC. Contudo, se a metodologia implicasse o trabalho mais sistemático sobre um projecto, provavelmente a ligação à área científica faria mais sentido.

Contamos com os vossos contributos, acreditando que essa discussão já terá acontecido também nos vossos grupos.

 

 




18 comentários:
De yuliyak a 25 de Fevereiro de 2011 às 15:54
Personally, I agree with the 2: grupos por área científica, but we will discuss it later in the group.


De ricardoantunes a 25 de Fevereiro de 2011 às 16:49
Tanx Yuliya!


De rosa-brigida a 25 de Fevereiro de 2011 às 18:39
No nosso PD os grupos são livremente formados, acho que é a abordagem correcta. Para que o trabalho corra bem é necessário que o grupo esteja bem.

O grupo pode formar-se por afinidade com o tema que vier a ser trabalhado ou por outros motivos :).

No entanto, os docentes podem ajudar a formação do grupo, promovendo interacções entre todos para que todos se conheçam :).


De ricardoantunes a 25 de Fevereiro de 2011 às 19:55
Sim Rosa, mas se não me engano, no caso da última UC, em que havia alunos de dois PD juntos, os grupos fizeram-se naturalmente entre gente do mesmo PD . Não houve misturas. Estou certo? Isso prova que a UC pode decorrer a um nível geral, mas ao nível do projecto, os alunos naturalmente acabam a juntar-se por afinidades. E se em vez de 2 grupos tiveres 6 ou 7, mais os professores que vierem de fora, para frequentar, como se formam esses grupos? Não podem começar todos juntos e depois fazer os grupos... ou podem? Está tudo em aberto... :) Nisso, o Sapo Campus até pode ser interessante, já que permite que cada um desenvolva uma identidade própria, com blogs e outras ferramentas, e se dê a conhecer ao grande grupo. Ainda assim, penso que não é viável, logisticamente, uma fase da UC com várias dezenas de alunos juntos.


De susanacapitao a 25 de Fevereiro de 2011 às 23:44
A UC será comum a vários cursos, referentes às áreas científicas, e terá uma única comunidade online. No entanto, e tal como referem, a sua logística implica que esteja associada a um horário e turmas distintas com cerca de 20/30 alunos, organizados por áreas científicas.
Assim, esta UC será constituída por um grupo de alunos (entre outros) que poderão rondar os 100, tal como referiram. Através da comunidade online, comum aos grupos das várias áreas científicas, é possível desenvolver as interacções ricas de que falam na opção a), conseguindo-se online o que na logística presencial será difícil. De qualquer forma, na comunidade online serão criados sub-grupos por área científica, tendo em conta os projectos a desenvolver, mas mantendo a possibilidade de acesso livre e interacção entre os elementos de qualquer área científica.

O grupo do plano estratégico


De ricardoantunes a 26 de Fevereiro de 2011 às 00:25
Ok, na lógica da comunidade de aprendizagem online, parece viável assim. Apenas destacaria a necessidade de haver "plano b" para os casos em que as interacções inter-áreas não aconteçam espontaneamente.


De rosa-brigida a 26 de Fevereiro de 2011 às 01:05
Ainda acerca da constituição do grupo determinada pelo professor ou pelos alunos, encontrei este trecho interessante: "Cordova and Lepper (1996) have found that student motivation increases with contextualization, personalization, and choice. Similarly, Iyengar and Lepper (1999) have found that providing students with choices increases intrinsic motivation and results in greater persistence, better performance and higher levels of satisfaction with their educational experience."

http://mountainrise.wcu.edu/index.php/MtnRise/article/viewFile/49/77


De fpais a 26 de Fevereiro de 2011 às 09:59
Não me parece necessária a existência de uma plano "B" mas sim de um bom plano estratégico! :)


De yuliyak a 26 de Fevereiro de 2011 às 15:39
Bom comentário ;)


De celia-graca a 26 de Fevereiro de 2011 às 17:35
Pensamos que seria interessante os alunos se poderem inscrever livremente, numa comunidade on-line, nos diversos grupos que seriam criados, constituindo-se desta forma as turmas (com alunos dos diferentes cursos) para trabalho presencial e um grande grupo para trabalho on-line, numa metodologia de “blended-learning”.


De fpais a 26 de Fevereiro de 2011 às 18:16
Olá!
Mais uma achega...
Desde a sessão presencial ficou previsto que seria uma UC integradora. Esta integração diz respeito ao curso em que está integrada. Parece-me que tendo presente:
1) o projecto a desenvolver;
2) o facto de ser uma UC integradora
3) questões logisticas
4) a integridade da proposta
Parece-me que esta não é verdadeiramente uma opção que possamos fazer: decorre dos pontos anteriores.
A não ser que o ponto 2) não seja entendido da mesma forma para todos...


De martapinto a 26 de Fevereiro de 2011 às 19:23
O 'grupo2' considera que os grupos de trabalho devem ser formados pelas turmas de cada um dos mestrados. No nosso entender, deverá existir uma comunidade online que seja comum a todos os grupos de trabalho das diferentes turmas de cada um dos mestrados.


De fpais a 26 de Fevereiro de 2011 às 20:28
Deduzo, pois que o grupo 2 está em sintonia com o post já colocado ontem pelo grupo 3. Não é nada clara a posição dos grupos 1 e 4... Well?


De anna ceccilia a 26 de Fevereiro de 2011 às 21:04
Penso que as afinidades serão suficientes para que os individuos formem equipes mais ou menos coesas. Portanto, creio que a formação destes deve ficar a livre escolha dos estudantes.


De rosa-brigida a 27 de Fevereiro de 2011 às 18:41
Entendemos, grupo avaliação, que as misturas entre diferentes cursos são benéficas se resultarem de livre escolha.

"People who live in the intersection of social worlds are at higher risk of having good ideas” Burt, 2005, p. 90


De fpais a 27 de Fevereiro de 2011 às 19:35
Olá grupo de avaliação,
Como compatibilizam o facto de uma UC integradora (conceito entendido no âmbito de um curso) com o facto dos grupos serem formados por alunos de outros curso? Qual é o vosso conceito de UC integradora?


De rosa-brigida a 28 de Fevereiro de 2011 às 00:25
Ola grupo enquadramento

Essa é realmente uma excelente questão :))


Será integradora na medida em que promove a utilização das TIC e esta utilização é transversal a várias ÁREAS?

Integradora porque pretende envolver os futuros professores com alunos de outros anos na mesma Instituição ou de outros estabelecimentos de ensino?

Integradora porque será projectada para qualquer mestrado de ensino da UA?

Integradora porque promove projectos com ligações a organismos directamente e indirectamente relacionados com a futura profissão: Ministério, escolas, portal das escolas, centros de ciência viva?

Integradora porque, sendo aberta, promove a aprendizagem ao longo da vida, fazendo a integração com os profissionais activos?

Outro tipo de integração?

O nosso entendimento sempre foi o de que era integradora porque era projectada para qualquer mestrado de ensino da UA. Mas se não é esse o entendimento geral we "rest our case" :))


De rosa-brigida a 28 de Fevereiro de 2011 às 00:37
Digo, olá grupo estratégias :)

Desculpem o lapso!


Comentar post

Sobre mim
Abril 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
10
11
12
13

15
16
17
18
19
20
21

22
23
24
25
26
27
28

29
30


Artigos recentes

Avaliação MAC

Design thinking

Trabalho Individual

Critical thinking

Sessão de discussão a dis...

Livros Digitais. O Futuro...

Teaching in the 21st cent...

Wiki e trabalho da turma

A formação de professores

Plágio na era digital

Arquivo

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Arquivado em

2011_12

abertura

actividades

agradecimento

aha

alerta

aprendizagem

aprendizagens significativas

apresentações

áreas

arquiteturas cognitivas

avaliação

aviso

a_época_de_futebol_acabou_ontem

blogroll

bolsas

box

ciências sociais

cognição

colaboração

comentários

conferência

construtivismo

conteúdo

contributo

convergência

credenciais

critérios

critical

data

datas

deadline

debriefing

design thinking

distância

documentos

dúvida

educação

educação_inclusiva

ensino

era digital

esclarecimentos

espírito crítico

estratégias

estrutura

estudo_de_caso

et_voilá

fct

formação de professores

gbl

gee

geert

grupo 3

grupo2

grupo3

guiões

hello

hora

independence

iniciais

início

innovation

intellectual

interacção

investigação

james

jogos

keynote

layout

lidia

local

mac

margarida

metodologias

mie

mission_completed

mme

mmed

mmedu

motivation

mudanças

multimédia

negociação

notas

oliveira

organização

o_campeonato_acabou_para_o_scp

o_verdadeiro_post

ple

programa

progresso

sapo_campus

seminário

sessão_presencial

shutting_off_problems

sime

tecnologia

trabalho

tumblr

wiki

todas as tags

blogs SAPO
subscrever feeds